quinta-feira, julho 25, 2024
NotíciasExecutivoPlanalto

Secom insinua culpa de Bolsonaro em desastres ambientais

Em uma sequência de postagens no X (antigo Twitter), a Secretaria de Comunicação Social (Secom) do Governo Lula insinuou que a gestão anterior, de Jair Bolsonaro, tem culpa em desastres ambientais por falta de investimento.

As publicações foram feitas na tarde de domingo (12/09) e segundo a Secom, “cabe aos governantes investir na prevenção de desastres” e o orçamento de Bolsonaro para essa finalidade em 2023 era de R$ 671,54 milhões, enquanto a gestão atual elevou para R$ 14,9 bilhões até 2026.

A mudança climática é uma realidade e cabe aos governantes investir na prevenção de desastres. O orçamento previsto pela gestão anterior para prevenção de desastres, no entanto, era de apenas R$ 671,54 milhões para 2023.

Graças à PEC da Transição, a gestão atual conseguiu, ainda em 2022, subir para R$ 1,17 bilhão este ano. Quase o dobro. E melhora! Neste sábado (9), o Governo anunciou que serão incluídos, até 2026, R$ 14,9 bilhões no Novo PAC para ações de prevenção de desastres em todo o País.

Isso significa mapear áreas de riscos, construir estruturas de contenção e correção de encostas, fazer obras de drenagem e saneamento, capacitar a sociedade sobre como agir em situações de perigo, entre outras ações.

Brasil, união e reconstrução“, postou a Secretaria.

Confira as postagens clicando aqui e aqui.