quinta-feira, julho 25, 2024
NotíciasLegislativoSenado

Fim da reeleição causa ansiedade no Senado, diz Pacheco

O senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG), presidente da Casa Alta, afirmou ontem (25/09), durante a Conferência Hemisférica de Seguros da Fides (Federação Interamericana das Empresas de Seguros), no Rio de Janeiro, que é contra a reeleição para cargos do Executivo e que o tema causa ansiedade no Congresso.

Além disso, outros dois assuntos estão em alta no Senado: aumentar o tempo dos mandatos e mudar os calendários eleitorais para que pleitos municipais, estaduais e federais aconteçam ao mesmo tempo.

Eu indago o instituto da reeleição no poder Executivo: fez bem ao Brasil? A minha percepção é de que não foi bom para o país. Quando se coloca no colégio de líderes, todos tendem a acreditar que o fim da reeleição seja bom para o Brasil — afirmou Pacheco, ao ser questionado sobre a tramitação da minirreforma eleitoral, encaminhada à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa nesta segunda-feira.” – disse.

Segundo ele, é necessário alongar os mandatos e fazer com que as eleições aconteçam simultaneamente para acabar com o “estado eleitoral permanente“.

A conveniência da popularidade do mandatário, a instituição do voto e a instituição da eleição resultará em um estado eleitoral permanente. Aquele mandatário que tem a oportunidade de governar e, por vezes, deixa de tomar medidas por vezes antipáticas em função da reeleição, pela perspectiva de ter votos” – afirmou.

Essas mudanças na lei eleitoral são necessárias, defende ele.

A reeleição acaba sendo um instituto que inibe a autonomia e o dever que tem o mandatário de tomar as decisões.” – concluiu.

Informações: O Globo