quinta-feira, julho 25, 2024
CâmaraLegislativoNotícias

Família de Gustavo Gayer vive terror em Goiás

Na tarde desta segunda-feira (15/05), o deputado federal Gustavo Gayer (PL-GO) denunciou no Twitter uma escalada de terror que a extrema esquerda vem impondo sobre a família dele em Goiás.

De acordo com o parlamentar, as ameaças são crescentes e obsessivas.

Gayer aponta que o motivo é um site ele criou para colecionar relatos de pais de alunos que são vítimas de doutrinação ideológica em sala de aula.

A iniciativa do deputado goiano reuniu rapidamente muitos usuários e foi muito além dos pais: para surpresa dele mesmo, boa parte são professores da rede pública que se sentem intimidados pela militância de esquerda que domina e ocupa estes ambientes.

Estes professores que se uniram aos pais, discordam das práticas abusivas usadas contra crianças e adolescentes no ambiente de ensino, mas se abrirem a boca, são punidos com humilhações pelos ativistas.

Estão tentando aterrorizar minha esposa e meus filhos“, afirma Gustavo.

O site em questão se chama Instituto Nossos Filhos (institutonossosfilhos.com.br) e segundo narra, após o início das denúncias, alguns professores foram demitidos após serem flagrados cometendo abuso ideológico, bullying e violação de consciência sobre menores de idade.

A situação é grave e causou mobilização de toda esquerda em Goiás, com destaque para um membro da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que, conforme Gayer narra, seria o líder de um grupo mobilizado para intimidar sua família.

Confira a fala na íntegra clicando aqui.

3 thoughts on “Família de Gustavo Gayer vive terror em Goiás

  • Cristiano

    Ativista de destruição não deve estar contratado em ambiente de trabalho, ainda mais de ensino. Lugar para essa gente é cadeia, hospício e receber uma boa catequese.

  • Cristiano

    Ativista de destruição não deve estar contratado em ambiente de trabalho, ainda mais de ensino. Lugar para essa gente é cadeia ou hospício. Essa gente também tem que receber uma boa catequese.

  • Cristiano

    Ativista de destruição não deve estar contratado em ambiente de trabalho, ainda mais de ensino. Lugar para essa gente é cadeia ou hospício. Essa gente também tem que receber uma boa catequese.

Fechado para comentários.